Bandeira vermelha deixa energia elétrica mais cara no mês de junho



A conta de energia elétrica no mês de junho ficará mais cara para o consumidor. O motivo é a adoção da bandeira vermelha, patamar 2, adotada pela ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), por conta dos níveis de reservatórios e falta de chuvas para o período mais seco.

A bandeira tarifária vermelha, patamar 2, tem o custo adicional de R$ 6,23 para cada 100kWh consumidos.

De acordo com a agência, Junho inicia-se com os principais reservatórios do SIN (Sistema Interligado Nacional) em níveis mais baixos para essa época do ano, o que aponta para um horizonte com reduzida geração hidrelétrica e aumento da produção termelétricas.

Conforme a ANEEL, essa conjuntura pressiona os custos relacionados ao risco hidrológico (GSF) e o preço da energia no mercado de curto de prazo (PLD), levando à necessidade de acionamento do patamar 2 da Bandeira Vermelha, a mais alta de todas as bandeiras.

Com o acionamento da bandeira vermelha, a agência reforça a necessidade de os consumidores adotarem ações relacionadas ao uso consciente e ao combate ao desperdício de energia.
Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Curta nossa pagina no Facebook

Previsão do Tempo

+31
°
C
+35°
+21°
Nova Olinda
Terça-Feira, 15
Ver Previsão de 7 Dias

Mais Acessadas da Semana

Mais Acessadas

Arquivo do blog

Posts Recentes

Total de visualizações de página