Após 04 anos abandonadas por Bolsonaro, BRs 316 e 135 viraram cabo eleitoral de Lula no Maranhão

O atual presidente do Brasil, Jair Messias Bolsonaro fez questão de desfilar por 48 horas em território maranhense, encerrando sua agenda hoje. Durante o período em que esteve aqui infelizmente, o presidente não teve oportunidade de fazer uma motociata ou algum tipo de movimento político em trechos das BRs 316 ou 135, se tivesse feito, provavelmente teria se decepcionado com a situação caótica em que se encontram trechos de responsabilidade do Governo Federal.

Neste findar de ano se concluem 48 meses de total abandono de uma das rodovias federais mais importantes do pais, e que liga o norte ao nordeste cortando o Maranhão de um canto a outro. Hoje, a situação é tão critica, que o mais apaixonado eleitor de Bolsonaro quando trafega pela extensão da rodovia sente vontade de votar em Lula como sendo um voto de protesto. Aliados do presidente sem qualquer noção de racionalidade já chegaram inclusive a gravar vídeos cobrando de Flávio Dino uma solução, todavia o comunista enquanto governador só possuía autonomia para cuidar das MAs que cortam o estado e nem disto conseguia dar conta quando mais de estradas de responsabilidade do Governo Federal zelar através de seus órgãos.

Se a intenção de Bolsonaro fosse recuperar o eleitorado maranhense, que é tido como principal curral eleitoral de Lula, essas obras deveriam ser estratégicas mas até aqui, o presidente pouco se importou e fez muito pouco em relação àquilo que deveria ter saído do papel.

A cidade de verdade

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Curta nossa pagina no Facebook


Previsão do Tempo

+31
°
C
+35°
+21°
Nova Olinda
Terça-Feira, 15
Ver Previsão de 7 Dias

Mais Acessadas da Semana

Mais Acessadas

Arquivo do blog

Posts Recentes

Total de visualizações de página