De olho em 2022, governo Bolsonaro pode repassar R$ 2 bilhões do Bolsa Família para estados


O governo Jair Bolsonaro (sem partido) pretende repassar pelo menos R$ 2 bilhões do Bolsa Família, que em breve será repaginado e passará a se chamar Auxílio Brasil, para financiar ações sociais de estados e municípios.

O repasse será feito diretamente para prefeitos e governadores, o que pode ser um movimento para a construção de palanques para a campanha eleitoral de reeleição de Bolsonaro em 2022. Com esse acréscimo, a verba a ser enviada pelo ministério da Cidadania diretamente a prefeitos e governadores neste ano vai mais do que dobrar.

De acordo com a pasta, o valor está em sobra nos cofres públicos por conta dos beneficiários que optaram por receber o Auxílio Emergencial, que paga um valor maior.

De acordo com o ministro João Roma, que terá a autoridade exclusiva de decidir a destinação do montante, ao jornal O Globo, a pasta deve ficar com um saldo de R$ 9 bilhões em caixa ao final do ano dos quais R$ 7 bi serão destinados a compor o orçamento do Auxílio Brasil e os R$ 2 bi restantes serão repassados para a secretaria de Desenvolvimento Social do ministério, administrada pelo deputado Robson Tuma (Republicanos-SP).

Compartilhe:

PREFEITURA DE NOVA OLINDA INAUGURA ESCOLA PÚBLICA NO POVOADO QUADRA VIII


A prefeitura de Nova Olinda do Maranhão por meio da Secretaria de Educação realizou na manhã desta terça-feira (14) a inauguração de mais uma escola totalmente equipada para os alunos da quadra VIII, a solenidade contou com a presença da Prefeita Municipal Iracy Weba e seu vice Zé Alberto e demais vereadores, secretários e profissionais da educação.


A Prefeita Iracy Weba acompanhou a inauguração da escola e destacou a entrega da escola. " É uma Escola bem feita e equipada, é uma honra uma alegria poder estar entregando esta obra para população deste povoado", disse.

"Foi de extrema importância o trabalho no município a primeira escola que implantamos foi a escola da Tancredo, todas as crianças merecem o melhor e os professores também, temos que ter qualidade nas instalações, fizemos ao todo mais de 16 salas de aulas novas, um processo de ampliação educacional" afirmou o secretário de Obras Dr Rogério Sardinha.

"As nossas crianças terão um lugar acolhedor é uma conquista muito grande destes moradores,alunos,professores e também da prefeita Iracy Weba que tem feito um trabalho de responsabilidade junto com os vereadores,secretários, nós temos muito o  que agradecer a ela" afirmou a Secretaria de Educação Maria Goreth Carvalho.


Compartilhe:

Atleta de Nova Olinda do MA conquistam títulos na etapa do Campeonato Brasileiro (TMB) de Tênis de Mesa em São Luís..


São Luís – Foi realizado no último final de semana (10,11 e 12 )de setembro a etapa do T.M.B Challenger Plus de Tênis de Mesa,e mas uma vez atletas do Tênis de Mesa de Nova Olinda Representaram a altura nossa cidade.

Destaque para os atletas Danilo Abreu, Rafael Santos, Raysa Santos e Janaína Carneiro, sendo campeões nas suas respectivas categorias. A etapa disputada foi válida pelo Campeonato Brasileiro de Tênis de Mesa (TMB).

Atletas e ex-atletas olímpicos participaram do evento em São Luís.
Compartilhe:

Líder político Hemetério Weba, participou neste sábado (11) de almoço com as lideranças políticas de Santa Luzia do Paruá.


Hemetério Weba foi recebido pelo atual prefeito de Santa Luzia do Paruá Vilson Ferraz, pelo ex-prefeito Nilton Ferraz, presidente da Câmara *Felipe Ferraz*, empresários *Jonas da Águia Motos* e Peixinho, pelos vereadores Alex Durans, Newtinho, Andyara, Jó, Bete e Ribal*, o ex-vereador e secretário de articulação política, Dequinha, secretária Ângela, vice-prefeito Léo Santana, o empresário Vavá da Pinheirense e demais lideranças.

O encontro foi realizado no distrito Paruá. Hemetério Weba e as demais lideranças conversaram sobre os projetos políticos e o desenvolvimento de Santa Luzia do Paruá e da região do Alto Turi.

“Estamos conversando e ouvindo os nossos amigos da região, e daqui de Santa Luzia do Paruá, onde fui o primeiro prefeito, nosso objetivo é promover mais encontros para que possamos fortalecer nossa região no cenário estadual”.* destacou o líder Hemetério Weba.
Compartilhe:

STF suspende novamente julgamento sobre terras indígenas


O Supremo Tribunal Federal (STF) suspendeu novamente o julgamento que analisa a validade da tese sobre o marco temporal para demarcações de terras indígenas. A sessão será retomada na quarta-feira (15).

Há duas semanas, o STF julga o processo sobre a disputa pela posse da Terra Indígena (TI) Ibirama, em Santa Catarina. A área é habitada pelos povos Xokleng, Kaingang e Guarani e a posse de parte da TI é questionada pela procuradoria do estado.

No caso, os ministros discutem o chamado marco temporal. Pela tese, defendida por proprietários de terras, os indígenas somente teriam direito às terras que estavam em sua posse no dia 5 de outubro de 1988, data da promulgação da Constituição Federal, ou que estavam em disputa judicial nesta época.

Na sessão de hoje (9), o relator da ação, ministro Edson Fachin, se manifestou contra a tese do marco temporal. Para o ministro, a proteção constitucional aos indígenas independe do marco ou disputa judicial na data da promulgação da Constituição.

Em seguida, o ministro Nunes Marques, segundo a votar, iniciou a leitura de seu voto, mas não houve tempo para conclusão antes do horário estabelecido para a sessão.

Nas sessões anteriores, entidades se manifestaram contra e a favor ao marco temporal.

O processo tem a chamada repercussão geral. Isso significa que a decisão que for tomada servirá de baliza para outros casos semelhantes que forem decididos em todo o Judiciário.

Agência Brasil / ma10.com.br

Compartilhe:

Ocupações de leitos para Covid-19 caem no Maranhão



As ocupações nas unidades de tratamento intensivo (UTI) ou em enfermarias para pacientes de Covid-19 no Maranhão registraram queda, no primeiro mês, após o governo do Estado realizar mudanças nas medidas de restrição para combater o coronavírus.

No dia 20 de julho, o Estado divulgava em seu perfil do Twitter que cinemas, teatros e igrejas estavam liberados para voltar a funcionar, enquanto eventos, supermercados e shoppings foram autorizados a aumentar suas capacidades e permitir maior acesso de pessoas.

No dia 21 de julho, havia 369 pacientes com Covid-19 internados em leitos de UTI de hospitais públicos e privados; no mesmo dia, leitos ocupados clínicos eram 535. No dia 21 de agosto, 195 na UTI, e 234 na enfermaria. Os dados são do Boletim Epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde (SES). Segundo o governo do Maranhão, as flexibilizações teriam sido resultado do avanço da vacinação em todo o estado.

Também em julho, em São Luís, começou a vacinação contra a Covid-19 em jovens de 18 anos sem comorbidades. A capital maranhense foi a primeira do Brasil a incluir esse grupo na campanha de imunização. Logo, com as medidas do governo estadual, cinemas, teatros e igrejas foram liberados. Eventos com até 200 pessoas em ambientes fechados, também. Já ambientes abertos e ventilados passaram a receber a capacidade total de 400 pessoas. E, o comércio, indústria, bares, restaurantes, shoppings e supermercados passaram a funcionar sem restrição de horário.


DADOS DE UM MÊS DOS BOLETINS DA SES


No dia seguinte de quando as novas determinações foram anunciadas, exatamente 21 de julho de 2021, todo o estado tinha 904 pacientes com Covid-19 internados em hospitais públicos e particulares, sendo que 369 estavam em UTIs e outros 535 em leitos clínicos.


Um mês depois, 21 de agosto deste ano, 195 pessoas internadas em UTIs e outras 234 em leitos clínicos. Durante estes 30 dias, apenas em cinco dias houve novas internações, quando, consequentemente, nos outros 25 dias do mês, foram registradas quedas diárias de leitos ocupados.


MORTES


O boletim da SES não detalha a quantidade de mortes pela doença nas UTIs e nas enfermarias. Porém, também entre o dia 21 de julho e 21 de agosto, houve 424 óbitos, segundo a soma dos levantamentos feitos diariamente pela Secretaria de Saúde. Neste intervalo de tempo, o dia que houve mais mortes foi 19 de agosto, quando 20 infectados em todo o estado morreram.


CASOS ATIVOS


No dia 21 de julho, havia 34.523 casos ativos de coronavírus no Maranhão. Ou seja, pessoas que tinham testado positivo e que estavam tratando a doença ou em UTI, ou enfermaria ou no próprio domicílio, dependendo se o paciente teria apresentado sintomas graves, medianos e leves. A quantidade de casos ativos durante os 30 dias analisados pelo JP teve variação diária.

O período foi iniciado com 34.523 casos, e finalizado com 34.836. Porém, houve dias em que foram registrados mais de 35 mil casos, sendo que não houve o alcance de 36 mil registros de pessoas infectadas ativas.

 (Jornal Pequeno)
Compartilhe:

Curta nossa pagina no Facebook


Previsão do Tempo

+31
°
C
+35°
+21°
Nova Olinda
Terça-Feira, 15
Ver Previsão de 7 Dias

Mais Acessadas da Semana

Mais Acessadas

Arquivo do blog

Posts Recentes

Total de visualizações de página